Dicas incríveis para conservar seus calçados

A maioria das pessoas, quando compra um calçado, espera que ele dure bastante tempo. O que muitos não sabem é que o modo como ele é higienizado e guardado influencia bastante no tempo de vida útil dele.

Para que seus sapatos sejam conservados e não estraguem antes da hora, existem alguns truques fáceis de serem realizados. Por isso, separamos 5 dicas incríveis para você conservar a qualidade dos seus calçados. Continue lendo o post e confira!

1. Preste atenção ao material do sapato

Atente-se ao material dos seus sapatos, pois eles devem ser lavados de acordo com esse quesito. Se você não quiser que eles estraguem rápido, não lave todos da mesma maneira.

Por exemplo, em um tênis de couro, o mais indicado é passar somente uma flanela umedecida com água na superfície do calçado. Se ele estiver muito sujo, é permitido aplicar água morna e detergente com uma escova de dentes velha. Lembre-se de ter muito cuidado.

Já em um sapato de nobuck, o recomendado é utilizar uma escova própria para limpar esse material. Em caso de bastante sujeira, também é liberado o uso de flanela com um xampu específico para nobuck (ela deve ser aplicada somente nos locais que estiverem mais sujos).

Calçados de plástico podem ser molhados, com água e sabão, e esfregados levemente com uma bucha ou uma escova de cerdas macias. Como você pode ver, há vários jeitos de higienizar um sapato. Então preste atenção no seu e veja como deve ser feita a limpeza.

2. Evite empilhar os seus pares

Empilhar os calçados traz outros problemas, além da falta de praticidade e da aparente desorganização. Mesmo que não haja muito espaço no guarda-roupa, procure outra alternativa para guardar os sapatos, porque ao empilhá-los, eles podem ficar arranhados e, com o tempo, deformados .

Algumas opções para organizar os calçados em um armário pequeno, sem precisar empilhá-los, é utilizar sapateiras de cabide ou até mesmo pendurar alguns dos pares em cabideiros.

3. Não guarde sapato molhado

Essa dica é super importante para quem deseja conservar os seus calçados. Após fazer a higienização de um sapato, espere ele secar, para depois guardá-lo. Principalmente se ele for feito de couro, material sintético ou camurça, porque eles correm o risco de mofar e ficar com mau cheiro.

Não se esqueça de deixar o objeto secar naturalmente e à sombra. Utilizar secador de cabelo, colocá-lo atrás da geladeira ou deixar muito tempo exposto ao sol e ao calor também pode danificá-los.

4. Deixe o calçado “tomar um ar”

Outro erro que diversas pessoas cometem é guardar o sapato no guarda-roupa logo após utilizá-lo. É preciso deixar o calçado “tomar um ar”, ou seja, colocá-lo em um ambiente arejado pelas próximas 24 horas.

Pode ser qualquer espaço que tenha ventilação na casa, menos o banheiro, pois ele costuma ter bastante umidade. Faça isso com todos os pares, mas especialmente com os de couro para que eles não fiquem com mau cheiro.

5. Escolha bem o local para guardá-lo

O ambiente em que o calçado é armazenado influencia bastante na conservação dele, por isso é importante escolher bem onde você vai deixá-lo. Sapateiras de cabide são uma boa opção porque elas não apertam os pares e são arejadas.

Caso queira guardar os sapatos em caixas, dê preferência para as feitas de plástico, porque as de papelão tem vida útil curta. Além disso, essas absorvem a umidade, então se você for usá-las, evite colocá-las em locais em que estarão expostas a isso.

Conservar a qualidade do seu calçado e fazer com que ele dure o tempo esperado não é impossível. Coloque as dicas que demos nesse post em prática e você verá! Depois de aprender sobre a preservação dos seus sapatos, o que acha de descobrir como usar tênis casual masculino?

Compartilhe sua opinião sobre o artigo conosco:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *